domingo, 20 de novembro de 2016

Com apenas 6 anos queria matar toda a família... 25 anos depois está assim!


O documentário "A ira de um anjo" conta a história de uma criança chamada Elizabeth Thomas, que tinha severos problemas psiquiátricos devido ao abuso sexual que sofreu quando era bebé.

Quando olhamos para uma menina tão angelical, não somos capazes de imaginar que ela desejava ferozmente assassinar os pais e irmão enquanto dormiam. A causa da revolta e tendência para a psicopatia vem da infância conturbada da menina, que perdeu a mãe com um ano no parto do seu irmão, ficando à guarda do pai que abusava sexualmente da filha. Mais tarde, ela e o irmão foram encaminhados para a adoção, onde rapidamente um casal adotou os dois.

Com o passar do tempo, Beth começou a comportar-se de modo estranho, agredindo e tentando matar o irmão e os pais adotivos, sem contar com os animais de estimação que ela torturava e matava sem remorsos, amor ou sentimentos positivos.

Algum tempo depois, a menina começou a ser trancada de noite dentro do seu quarto, pois facas começaram a desaparecer e a família começou a ficar insegura com a presença dela em casa. A menina não conseguia criar nenhum tipo de laço afetivo, receber ou dar amor, não conseguia estabelecer relações familiares pois não sentia nenhum tipo de empatia. Matava qualquer ser vivo sem o menor ressentimento.

Em 1989, Elizabeth foi internada numa casa especializada em tratar crianças com desordem emocional. O melhor é clicar no play para perceberes melhor este caso.

Atualmente é enfermeira na Unidade de Terapia Neonatal, dando suporte a mães e cuidando de recém-nascidos. É também autora do livro "Mais do que um fio de esperança" e juntamente com a sua mãe adotiva, Nancy Thomas, criou uma clínica para crianças com distúrbios graves de comportamento. A sua vida de sobrevivência e vitória traz esperança e compreensão para pais e profissionais, trabalhando para curar a criança afetada e, acima de tudo, capacitar os pais com uma visão positiva para o futuro do seu filho.



Fonte: Portal Tá Bonito (Portugal)

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Facebook Favoritos

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes