segunda-feira, 30 de março de 2015

Redução do número de filhos é maior entre os mais pobres do Brasil

Nos últimos dez anos, o número de filhos por família no Brasil caiu 10%. Entre os mais pobres queda de 20% no mesmo período foi de 15%.

Os números foram divulgados pelo Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome e com base nas edições da entrega Pesquisa Nacional por Amostra de 2003 e de 2013, realizado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística.

A pesquisa sugere que, em 2003, o número médio de filhos por família no Brasil foi de 1,78. Em 2013, o número aumentou para 1,59. Entre os 20% mais pobres, o número médio de filhos em 2003 foi de 2,55; e, em 2013, foi de 2,15.

De acordo com o ministro do Desenvolvimento Social, Tereza Campello, os dados rejeitam a teoria de que a política proposta pelo Programa Bolsa Família incentiva as famílias mais pobres do país para aumentar o número de crianças para receber mais benefícios. Bolsa Família é o principal programa de transferência de renda federal para famílias em situação de pobreza e extrema pobreza.

O ministro disse que "enquanto a redução do número de filhos por família já é um fenômeno bem estabelecido no Brasil, as pessoas continuam a dizer que o número de filhos dos pobres é muito grande." Ela disse que "é puro preconceito".

As exigências do Programa Bolsa Família estão entre os argumentos usados ​​pelo ministério para explicar a queda. Tereza Campello explicou que "a frequência de atendimento leva a um melhor acesso à informação sobre controle de natalidade e contracepção".


Fonte: Portal Voces del Sur (clique aqui para ler a notícia em espanhol) / Agência Brasil

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Facebook Favoritos

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes