segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

Organizações contam suas histórias na luta contra a Aids

Representantes de organizações não governamentais de países como Tonga, Argentina, Indonésia, Quênia, Sérvia, Austrália, Zâmbia, Egito e Brasil contam suas histórias de envolvimento na luta contra a Aids no documentário que a Agência de Notícias da Aids lançou recentemente.

Com o título "Aids: as respostas das ONGs no mundo”, a produção reúne depoimentos dos movimentos. Cada um traz o tom específico do seu país, mas todos com um objetivo em comum: combater a Aids e proporcionar mais atenção e qualidade de vida às pessoas vivendo com HIV.

"O objetivo maior é estimular a prevenção, mas também contribuir para despertar ações de cidadania, além de combater o estigma e o preconceito que ainda são muito grandes para com as pessoas vivendo com o HIV", diz Roseli.

É o segundo documentário sobre ONGs/Aids no mundo que Roseli produz. Em 2012, quando Washington (EUA) sediou a Conferência Internacional, ela fez "Aids, 30 Anos: as respostas das ONGs do mundo.”

Cenário mundial

No Brasil existem 30 mil novas infecções pelo HIV por ano, 12 mil mortes, 353 mil pessoas recebem mensalmente os antirretrovirais, 150 desconhecem que vivem com o vírus.

Com o título "Aids: as respostas das ongs no mundo”, a produção reúne depoimentos dos movimentos. Cada um traz o tom específico do seu país, mas todos com um objetivo em comum: combater a Aids e proporcionar mais atenção e qualidade de vida às pessoas vivendo com HIV.

"O objetivo maior é estimular a prevenção, mas também contribuir para despertar ações de cidadania, além de combater o estigma e o preconceito que ainda são muito grandes para com as pessoas vivendo com o HIV", diz Roseli.

É o segundo documentário sobre ONGs/Aids no mundo que Roseli produz. Em 2012, quando Washington (EUA) sediou a Conferência Internacional, ela fez "Aids, 30 Anos: as respostas das ONGs do mundo.”

Assista ao trailer do documentário:



Assista ao trailer do primeiro documentário "Aids, 30 Anos: as respostas das ONGs do mundo”, de 2012:



Fonte: Adital

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Facebook Favoritos

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes