domingo, 22 de fevereiro de 2015

Internet segura: Ministra Ideli quer combater violações de direitos humanos na web

No Dia Mundial de Internet Segura, celebrado nesta terça-feira (10), a ministra da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência República (SDH/PR), Ideli Salvatti, defendeu a implementação de ações de combate às violações de direitos humanos na Internet. Ideli Participou de hangout que reuniu representantes de instituições públicas e privadas, além de organizações não governamentais.

" Temos uma situação de preconceito e violência no mundo real e, cada vez mais, isso se transfere para o mundo virtual. Se nós temos medidas para evitar essas práticas no mundo real, devemos implementar também para a Web. É a mesma preocupação", afirmou.

Segundo a ministra, uma das ações prioritárias da SDH/PR foi a criação de um Grupo de Trabalho para combater crimes de ódio na Internet, no final de 2014. "Criamos esse instrumento para fazer o enfrentamento a esses crimes nas redes e também realizar o trabalho educativo. Nós queremos fazer da Internet um ambiente saudável, além de seguro", acrescentou.

A ministra citou ainda a aprovação do Marco Civil da Internet. "É uma lei dinâmica e pioneira, que fez o Brasil se destacar na garantia da neutralidade, privacidade e liberdade de expressão na rede", concluiu.

O hangout foi organizado pela SaferNet Brasil, na sede do Comitê Gestor da Internet no Brasil, com representantes da Google, Unicef, Ministério Público Federal e Polícia Federal. Hangout é uma ferramenta de videoconferência da rede social Google+ que permite transmissões ao vivo.


Fonte: Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República - SDH/PR

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Facebook Favoritos

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes