segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Casa da Mulher Brasileira será inaugurada no fim do mês com a presença de Dilma Rousseff

A 1ª Casa da Mulher Brasileira do País será inaugurada no próximo dia 26 de janeiro, em Campo Grande, com a presença do governador Reinaldo Azambuja e da presidenta Dilma Rousseff. Será um espaço onde as mulheres sul-mato-grossenses receberão atendimento humanizado e integrado, da Polícia Civil através da Delegacia Especializada de Atendimento às Mulheres (DEAM), Juizado Criminal, Defensoria Pública e Promotoria do Ministério Público. O anúncio da inauguração foi feito na manhã da última quinta-feira (15) pela secretária Nacional de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher, durante uma reunião realizada na Sejusp com o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública, Sílvio Maluf. “É uma oportunidade que o Governo Federal está nos dando de melhorar e humanizar o atendimento às mulheres vítimas da violência, que hoje representa mais de 40% de toda a demanda da Polícia Civil”, disse Maluf.

De acordo com a titular da Secretaria Nacional de Enfrentamento à Violência Contra a Mulher, a Casa da Mulher Brasileira é um espaço diferenciado, onde as vítimas se sentem acolhidas e protegidas durante o atendimento. “Elas terão em um único local atendimento com psicólogas, assistentes sociais, Juizado Especial Criminal, Promotoria, Defensoria Pública e Polícia Civil, que graças a iniciativa do Governo do Estado de Mato Grosso do Sul irá funcionar 24 horas por dia”, destacou Aparecida Gonçalves. No local irá funcionar ainda uma brinquedoteca, para onde serão levadas crianças filhas das vítimas da violência doméstica, bem como de agressores, durante o tempo em que estes estiverem sendo atendidos.

Parceria com o Município

Toda a manutenção e gestão da Casa da Mulher Brasileira serão feitas através de uma parceira com a Prefeitura de Campo Grande. “Através da Secretaria Municipal de Políticas Públicas Para as Mulheres nós iremos fornecer a Casa mais de 90 servidores, entre eles cinco psicólogas e cinco assistentes sociais, com a finalidade de fato oferecer de forma inédita no Estado, um atendimento diferenciado para essas vítimas”, explicou a titular da pasta, Liz Derzi Matos, que também participou da reunião na manhã de hoje.

Delegacia da Mulher 24 horas

De acordo como secretário Maluf, o funcionamento 24 horas da Delegacia de Atendimento à Mulher (DEAM) de Campo Grande, era uma reivindicação antiga da população, que será atendida através do compromisso do Governo do Estado, com a segurança pública. “Quero agradecer ao Delegado-Geral da Polícia Civil, Roberval Maurício Cardoso que nos deu total apoio nesse processo e de pronto publicou a portaria no Diário Oficial do Estado, implantando o plantão 24 horas na DEAM”, enfatizou o secretário de Estado de Justiça e Segurança Pública.

A portaria alterando o horário de funcionamento da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher foi publicada pela Delegacia-Geral da Polícia Civil de Mato Grosso do Sul, na página 4 do Diário Oficial do Estado (DOE) de terça-feira (13). A mudança no funcionamento da unidade, que atende em horário de expediente faz parte das estratégias do Governo do Estado, através da Sejusp, para melhorar a segurança pública no Mato Grosso do Sul. O plantão ininterrupto durante 24 horas por dia começa a partir do dia 26.


Fonte: Capital News

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Facebook Favoritos

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Facebook Themes